Hidratação com Aloe Vera

Espaço Mulher - Você tem valor

moda estética

Hidratação com aloe vera

Aloe Vera é uma planta que possui benefícios medicinais e pode ser usada em diversos tratamentos de beleza, como máscaras de hidratação com aloe vera ou babosa para o cabelo e para a pele. As receitas que utilizam esta planta deixam os fios brilhantes e macios, além de auxiliarem no crescimento das madeixas.

Hidratação para cabelos com Aloe Vera simples

1) Num recipiente, adicione duas colheres de sopa de máscara hidratante.

2) Corte as laterais de uma folha de Aloe Vera ou babosa e extraia a polpa. Coloque aproximadamente uma colher de sopa do gel na mistura.

3) Para maior hidratação, adicione uma colher de chá de um óleo vegetal de sua preferência, como de abacate ou de coco.

4) Misture todos os ingredientes até que fique uma mistura homogénea e a máscara está pronta.

Comentários

Para além dos panos

Para além dos panos

Como dizia a minha mãe, toda a mulher tem que ter pelo menos um pano. Não sabia bem o porquê, mas a verdade é que sempre tive.

Como já referi anteriormente, uma das coisas que me impressiona é a maneira como cada povo se expressa diante de Deus, da vida, dos problemas, a noção de pecado que muitas vezes se funde com as tradições do país, fazendo com que haja um conflito em muitas pessoas quando se deparam com a verdade da palavra de Deus. Na cultura africana, por exemplo, isso não se passa somente pela maneira de estar, de dançar (modéstia à parte, dançamos muito bem), mas também na maneira de se vestir.

O tecido africano é cheio de cor, de vida, diversidade e significados.

No continente africano, o tecido africano tem vários nomes:
Pano, em Angola;
Capulana em Moçambique;
Andrika no Ghana;
Bogolan no Mali;
Adire na tribo dos Ioruba da Nigéria;
Kuba são tecidos bordados pelo povo Kuba do Congo;
E kitenge na Zâmbia.

O tecido africano pode mostrar vários aspetos da vida de uma mulher: a posição social e económica, o estado civil, e a ocasião em que é vestido tal traje.

Tem também várias utilidades, desde o amarrar crianças às costas a simplesmente amarrá-lo à cintura em cerimónias tradicionais, tendo ainda inúmeras outras funções como ser usado para peças de ornamentação, e até já chegou às grandes passarelas de moda do mundo. 

Cada tecido é um traço de identidade de cada povo, e isto só nos mostra como Deus nos fez cada um de uma maneira única e especial.

Como está escrito em Apocalipse 5:9, Jesus foi morto e com o seu sangue comprou para Deus homens de toda a tribo, povo, língua e nação.

Mesmo que diferentes, somos todos criaturas de Deus e Ele nos ama da mesma maneira.

Até aqui nos ajudou o Senhor

“Ebenézer”

#ebenézer #somostodosfilhosdeDeus #culturas

Comentários

Pastilha Elástica

Espaço Mulher - Você tem valor

Curiosidades

Pastilha Elástica

Origem:
Aquilo a que hoje chamamos pastilha elástica já era conhecido desde as antigas civilizações. Na Grécia era comum mastigar a resina de uma árvore chamada mastiche para lavar os dentes e melhorar o hálito. Na civilização Maia usavam uma resina chamada chicle também para mastigar.
Em princípios de 1800 iniciou-se a comercialização de resina mastigável e, pouco mais tarde, foi descoberta a parafina adocicada que suplantou o sucesso da resina.
Nos anos 60 do mesmo século, Antonio Lopez de Santa Anna trouxe para a América do Norte uma resina cremosa (látex) a que chamavam chicle. Mais tarde, melhorou o sabor acrescentando um pouco de licor, o que agradou aos seus clientes.
No princípio do século XX outros fabricantes de pastilhas elásticas surgiram no mercado, realçando o Walter Diemer que criou com sucesso a pastilha elástica que permitia fazer bolas – a chamada bubble gum.
As duas grandes guerras mundiais, principalmente a segunda, contribuíram para o aumento da popularidade da pastilha elástica pois esta era tida como terapia relaxante para o stress diário de que as pessoas eram vítimas.
Com o aumento do seu consumo, os fabricantes tiveram de procurar novos produtos que substituíssem as resinas naturais e por isso, surgiram novos tipos de pastilhas – sem açúcar, com novas cores, novos sabores, novos formatos, etc, e novas marcas de pastilhas, como é o caso da Trident (1962).

Curiosidades:
– O exercício da mastigação tonifica os músculos faciais, tal como melhora a concentração. Uma vez que o processo de mastigação é repetido, faz originar que os mecanismos do cérebro responsáveis pela memorização sejam activados, pois o acto de mastigar aumenta a corrente sanguínea do cérebro, estimulando a memória em cerca de 35%, e os batimentos cardíacos aumentem, aumentando desta forma o gasto calórico;
– O facto da pastilha elástica fazer com que aumente o fluxo de saliva, esta por sua vez reduz a placa bacteriana e refresca a respiração;
– Numa pesquisa com 108 estudantes entre os 13 e 16 anos, os especialistas descobriram que aqueles que mascavam pastilha elástica durante a aula de matemática, deveres de casa e provas obtinham melhores notas em testes após 14 semanas.

Obs: Não esquecer, mascar pastilha elástica sem açúcar.

Comentários

Limpeza de Galeria

Limpeza de Galeria

Quem de nós não tem um telemóvel com muitas imagens, vídeos, na galeria? Recebemos no WhatsApp e aquilo já baixa, outras pessoas partilham no Facebook e nós guardamos. Depois vemos vestidos, paisagens, animais fofinhos, tatuagens no Instagram e tiramos print para mais tarde (ou quase nunca) voltar a “usar”. Ou então muitas fotos e vídeos de algum passeio que fizemos, da nossa família…

Mas volta e não volta, vamos fazer uma limpeza porque precisamos de ter espaço no telemóvel. Pessoalmente, gosto de fazer isso quando tenho uma noite livre e estou empenhada nessa tarefa árdua! Apagar o que já não quero e ter a “coragem” de me desfazer daquilo que pensava que ia usar, mas afinal não.

Acho que todas nós precisamos de fazer uma limpeza regular na “galeria” da nossa vida também. Precisamos de ter espaço para aquilo que é realmente essencial.

Por vezes precisamos de parar e pensar: Preciso mesmo disto? Será que vou precisar deste conselho mais tarde? Esta situação deve ficar gravada na minha “galeria”?

Eu decido o que fazer com o meu “espaço” no “telemóvel” da minha vida. Quem coloco lá, quem deixo ficar, quem retiro, o que devo lembrar-me, o que devo aprender, o que quero recordar.

E agora termino com esta pergunta: como vamos ocupar a “galeria” da nossa vida?

“Crazy_but_sweet_too”

#crazybutsweettoo #limpeza #fotos #galeria