Os filhos vêm ocupar o lugar do marido?

Os filhos vêm ocupar o lugar do marido?

Certamente que este pensamento invade a cabeça de muitas mulheres que desejam ter filhos, e algumas que ainda nem constituíram família…

“Quando eu tiver filhos, consigo arranjar espaço no meu coração (na minha vida), para eles, sem deixar de amar o meu marido?”
“Será que o amor se divide? Em dois? Em três?…”
“Será que consigo fazer a separação entre o amor que sinto pelo meu marido, e aquele que sinto pelos meus filhos?”
“Será que consigo manter as prioridades certas na minha vida, com o nascimento de um filho?”

No meu caso, consegui a resposta a todas as minhas dúvidas, porque comecei por ter filhos, bastante cedo.

Os FILHOS vêm reforçar os laços de amor que existem entre o casal.
No meu caso, pelo conhecimento bíblico que tenho, foi-me fácil entender, que de forma nenhuma, os filhos vêm ocupar o lugar do marido, pelo contrário…
Por cada filho que nós geramos, o nosso coração ganha mais espaço.
Isto tem a ver com algo que Deus criou, que é o amor Ágape, que é um amor que dá, sem esperar receber primeiro… É um amor que cresce a cada dia.

O mais importante é uma mulher entender que os filhos são o resultado do amor de duas pessoas, ou seja, podemos dizer que são o “fruto” duma relação.

Quando nasce um filho, é um momento muito importante na vida de um casal.
E NÃO!!

O espaço que é responsável pelo amor que sentimos, não se divide, multiplica-se.
E multiplica-se tantas vezes, quantos filhos forem surgindo…
E nenhum é melhor do que nenhum, porque todos eles, foram uma dádiva de Deus, vieram de nós…

Claro que o meu marido teve um papel muito importante nesta questão. A disponibilidade para ele, muitas vezes não era a mesma, a paciência, o carinho, a atenção… Mas o amor, nunca teve em questão.
E o apoio dele foi essencial para crescermos juntos, nesta nova fase da nossa vida, aprendermos a gerir o nosso tempo e espaço, com a noção de que a realidade já não era mais a mesma.
Facilitando assim o meu trabalho, de colocar cada um no lugar que lhe é devido (marido e filhos).

Fui crescendo enquanto mulher, esposa, mãe, ser humano, serva de Deus, … desenvolvendo este amor incondicional.


“Mãe de mão cheia”

#mãedemãocheia #osfilhosvemocuparolugarmarido #amorincondicional

Comentários

Apoiar o Marido

Espaço Mulher - Você tem valor

Estudos

Apoiar o marido

1 – Introdução

O casamento não é 2 pessoas viver juntas e já está.
Casamento é algo que temos que construir dia após dia.

Uma das áreas importante tem a ver os relacionamentos.
Hoje vamos falar uma parte do papel de esposa, que é: Apoiar o marido.

Gén.2:18
…  Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma adjutora … .

Deus criou a mulher para ajudar o marido.
Podemos pensar que já não se usa isso, que já está ultrapassado.

Mas se quisermos um casamento feliz, de acordo com o plano de Deus, temos que fazer as coisas à maneira de Deus.
O modelo do mundo, vai dar resultados do mundo: divórcio, infelicidade etc..

Nós, mulheres, fomos criados para ajudar o nosso marido.
Para isso, Deus nos deu dons, talentos.
Não é por acaso que a mulher sempre nota os detalhes, para ela é fácil, é natural ter compaixão, querer ajudar pessoas.
Ela é mais emocional, envolve-se mais com as pessoas.

Foi assim que Deus nos fez.

Se achar que não é bem assim, ou que não é capaz, ou se não quer fazer isto, não há problema, então o melhor é não se casar. O casamento para si não vai dar certo, vai ter muitos problemas. 

Deus instituiu na família autoridade e hierarquias.
Se funcionarmos de acordo, vamos ter o successo.


2 – Como Apoiar o Marido – o que NÃO fazer

Atrás de um grande falhanço de homem, muitas vezes também há um grande falhanço de mulher.

Ela não sabe o papel dela.
A mulher tem um grande poder de influenciar o seu marido, mesmo que ela não entenda  isso.

Em alguns casos a mulher, em vez de influenciar para o melhor,  influencia para o pior.

Pelas atitudes dela, ela se torna um peso em casa.

Como?
– Está sempre a pôr obstáculos.
     “É muito dificil, não consigo, não sou capaz de mudar de cidade, de país nem pensar…”
Murmurar (É um pecado de idolatria)
      “Não é assim que gosto, não gosto de casa, na minha família era diferente…”
Manipular.
      É altamente satánico – (Is.58 “Eis me aqui, se tirares de meio de ti o jugo ….”);
Criticar. Está sempre criticar o marido, ela sempre encontra qualquer coisa que não está 100%.

Em vez de se concentrar nas coisas boas que ele faz, só vê, fala o que ele não fez.

Não destrua a sua casa!

Muitas vezes é mesmo a mulher como esposa e mãe que ao invés de construir, o derruba.

Prov.14:1
Toda mulher sábia edifica a sua casa a insensata, porém, derruba-a com as suas mãos.


3 – Como Apoiar o marido – o que fazer

Como já disse a influência da mulher é muito grande. Temos que aprender usar isso para o melhor.
Atrás de um grande homem,  está uma grande mulher, que sabe qual é o papel dela.

Como ?
Respeite o seu marido  – em público e privado (Ef.5:33);
Aceite os desfeitos dele. Todos temos e no casamento somos um. O desfeito dele, é o meu desfeito;
Fale bem dele. Olhe para todas as coisas boas que ele tem. Foi por causa disso, que se casou com ele;
Encoraje-o, mostre-lhe que ele é capaz. Acredite sempre nele.
A mulher muitas vezes não entende o poder disso, mas faz toda diferença;
Esteja contente com o que tiver (Mat.6:9 … pão nosso de cada diz nos dá hoje)

Construa a sua casa!

Prov.14:1
“Toda mulher sábia edifica a sua casa….”                                         

                                               

Comentários

Como ter uma Família Feliz – Como ser um bom marido?

A Família – O papel do Marido

Espaço Mulher - Você tem valor

Áudios

A Família

O papel do Marido

Veja aqui mais estudos: