Limpeza de Galeria

Limpeza de Galeria

Quem de nós não tem um telemóvel com muitas imagens, vídeos, na galeria? Recebemos no WhatsApp e aquilo já baixa, outras pessoas partilham no Facebook e nós guardamos. Depois vemos vestidos, paisagens, animais fofinhos, tatuagens no Instagram e tiramos print para mais tarde (ou quase nunca) voltar a “usar”. Ou então muitas fotos e vídeos de algum passeio que fizemos, da nossa família…

Mas volta e não volta, vamos fazer uma limpeza porque precisamos de ter espaço no telemóvel. Pessoalmente, gosto de fazer isso quando tenho uma noite livre e estou empenhada nessa tarefa árdua! Apagar o que já não quero e ter a “coragem” de me desfazer daquilo que pensava que ia usar, mas afinal não.

Acho que todas nós precisamos de fazer uma limpeza regular na “galeria” da nossa vida também. Precisamos de ter espaço para aquilo que é realmente essencial.

Por vezes precisamos de parar e pensar: Preciso mesmo disto? Será que vou precisar deste conselho mais tarde? Esta situação deve ficar gravada na minha “galeria”?

Eu decido o que fazer com o meu “espaço” no “telemóvel” da minha vida. Quem coloco lá, quem deixo ficar, quem retiro, o que devo lembrar-me, o que devo aprender, o que quero recordar.

E agora termino com esta pergunta: como vamos ocupar a “galeria” da nossa vida?

“Crazy_but_sweet_too”

#crazybutsweettoo #limpeza #fotos #galeria

Comentários

Essência

Essência

Nós lidamos com pessoas. Uns lidam com mais, outros com menos, mas lidamos com pessoas.
Nós também temos variações de humor. Por vezes até no próprio dia!
Nós também temos gostos diferentes. Em música, filmes, atividades, etc.

Mas o que é que nos define? São as pessoas, o estilo de roupa, o trabalho?
Será que gostamos de ter rótulos? Ou podemos ser nós a definir quem somos?

Hoje é tão fácil criarmos falsas expectativas e termos falsos sonhos… Acreditamos no que vemos nos filmes, redes sociais, achamos que é possível sermos perfeitas, mas quando olhamos a nossa vida (se pensarmos dessa maneira) sentimos deceção, porque não é nada do que imaginámos.

Agora… Quando conhecemos quem nós somos, aquilo que realmente nos faz feliz, aquilo que nos faz persistir até ao fim… Aí sim, somos felizes. Não por sermos perfeitas ou porque a vida vai ser sempre um mar de rosas, mas porque podemos ser fiéis a quem nós somos e aos nossos objetivos e fica mais “fácil” esta luta a que nós chamamos: vida.

Mais importante que o status social é o “nosso próprio status”. Todas devemos encontrar o que nos define e sermos fieis a isso.

Vamos ser felizes com quem nós somos.


“Crazy_but_sweet_too”

#crazybutsweettoo #essencia #definição #status