Espaço Mulher - Você tem valor

Estudos

Romance e o Sexo

1 – O casamento

Casamento é algo que se constrói dia após dia.

Como homem e mulher somos mesmo criaturas diferentes:
– pensamos diferente
– reagimos diferente
– comunicamos diferente

Especialmente na área sexual pensamos diferente.

A mulher em 1º lugar quer: romance, namoro. Ela nunca se cansa disso.
Antes de casar e também depois de casar: De preferência todos os dias.
Romance = criar as circunstâncias certas para depois ter relações.

O marido quer: sexo
Vamos direto ao assunto, esquece o tempo perdido de romance.
O homem está sempre pronto.

O problema surge quando:
A mulher quer mudar o marido para ele começar a pensar como ela (muito romance).
Ela quer um marido perfeito, que a entende a 100%. Começa a pôr condições, começa a manipular.
A solução não está em mudar o marido.
A solução está em entender como ele funciona / pensa.

Para então construir o casamento com o material que temos:
– 1 mulher e 1 homem imperfeitos.

2 – Conheça o seu marido

Nunca vamos conseguir entende-los por completo, mas podemos aprender algumas coisas.
O que precisamos de saber quando falamos sobre a área sexual.

a) Deus nos criou como seres sexuais.

É algo santo aos olhos de Deus.
Uma relação profunda num casamento. É uma bênção que Deus nos deu.
O diabo sujou esta imagem, fazendo com que a mulher pareça ser um objeto para ser usado.
As pessoas que têm relações sexuais sempre com várias pessoas, raramente aprendem a ter uma relação sexual profunda. Estão sempre a mudar, como vão conhecer alguém de verdade?
É sempre superficial. 

b) É uma necessidade importante para o homem.

Foi assim que Deus criou o homem.
Faz parte do casamento. É o termómetro de um casamento. Que se reflete em outras áreas.

c) O marido casou-se consigo, porque pensou que você iria suprir esta necessidade.
É uma necessidade. Se a mulher não supre esta necessidade, o marido fica com “fome”.
Se a mulher não dá, mais cedo ou mais tarde o marido vai procurar noutro lado.
Não porque não ama a sua mulher, mas porque está com “fome”.

I Cor. 7:3-5 “O marido pague à mulher a devida benevolência, e da mesma sorte a mulher ao marido.
A mulher não tem poder sobre o seu próprio corpo, mas tem-no o marido; e também da mesma maneira o marido não tem poder sobre o seu próprio corpo, mas tem-no a mulher.
Não vos priveis um ao outro, senão por consentimento mútuo por algum tempo, para vos aplicardes ao jejum e à oração; e depois ajuntai-vos outra vez, para que satanás não vos tente pela vossa incontinência.”

3 – Temos que construir esta área do nosso casamento

É a responsabilidade do casal construir o casamento em todas as áreas.
Não se torne religiosa. “Só pode ser assim, deste jeito, a esta hora, este dia, este local, tantas vezes.”
Uma relação sexual é em 1º lugar um relacionamento entre homem e mulher. 
No momento que um começa a obrigar o outro (a Bíblia diz que me tens de obedecer), é manipulação (satânico).
Mas enquanto o casal está de acordo, e os dois se sentem bem, tudo está certo.

A Bíblia não diz nada acerca de detalhes.

Apenas diz:
– é dentro do casamento
– 1 homem e 1 mulher

Não deixe que isso se torna algo frio, sem emoção, um ritual qualquer (só para cumprir os deveres).
A mulher em geral é mais passiva, mas não precisa de ser sempre assim.
Não exija do seu marido que ele cumpra 1º todas as cerimonias e romances.

Seja sábia, construa o seu casamento. Não deixe portas abertas para o diabo poder entrar.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *